Escolha uma palavra e deixe o Umikizu falar sobre isso...

Objetivar...

Você precisa de um alvo para atirar uma flecha...
Você tem objetivos?
Você tem um objetivo se quer?
Não precisa me contar, só estou perguntando para te provocar, porque 'apesar de ser uma delícia abrir a geladeira para refletir sobre a vida', isso só te causa prejuízos: energia e geladeiras estão muito caras hoje em dia. A não ser que você tenha uma ideia tão inovadora que lhe renda milhões! Então pense bem antes de simplesmente "abrir sua geladeira".

Um ótimo exemplo disso é aquela piada sobre a diferença entre o homem e a mulher que vão ao shopping comprar uma calça. O homem entra no shopping, compra a calça e vai embora. Já a mulher entra no shopping, visita todas as lojas e depois de comprar várias outras coisas, compra a calça, vai comer e só depois vai embora. Os dois casos são extremos, mas mostram bem dois objetivos diferentes porém definidos. Todo mundo sabe que as mulheres, geralmente e não exclusivamente, vão ao shopping não com o objetivo de comprar uma calça e sim de passear, olhar todas as vitrines e se divertir com as amigas, e aproveita para comprar uma calça, mas ela abre exceções ao objetivo várias vezes, depois descobre que gastou demais, comprou um sapato que machuca e toma prejuízo com isso. O homem só vai ao shopping quando absolutamente necessário, cumpre seu objetivo de comprar a calça e pronto. Ter um objetivo e segui-lo é facilitar uma tarefa e, com disciplina, melhorar sua vida. Claro que não por comprar uma calça no shopping, mas por objetivar uma ação e seguir os passos exigidos para que o objetivo torne-se realidade.

Mulheres, não fiquem bravas com a analogia, os homens também sofrem por não objetivar suas ações, em especial com o futebol de domingo, que pode acabar numa ressaca e uma boa briga com namoradas e esposas por esticar numa cervejinha ou, hoje em dia, baladinha. Seja por falta de atenção ou cuidado, dessa vez ele fez o seu objetivo de relaxar acabar numa fria, talvez por seguir a cabeça dos amigos, ou por falta de cuidado mesmo. Veja que objetivar as ações nos ajuda a evitar problemas, alcançar eficiência e economia de tempo e recursos com sucesso.

Não devemos ser caxias a ponto de transformar tudo em objetivos bem definidos, tarefas diárias acabariam sendo programadas e tirariam todo o gosto que temos por viver, somos humanos e não robôs que seguem um protocolo e não tem espaço para improvisos. Objetivar é encontrar uma razão tanto para a realização de uma ação, como para tornar aquela ação racional. O exemplo da geladeira é importante, afinal de contas, pra quê você vai abrir uma geladeira se não quer nada de lá de dentro? Ou melhor, por quê você abriria a geladeira para pegar algo que não guarda lá dentro? Objetivar não é simplesmente fazer uma lista de ações e objetivos que quer atingir na vida, mas colocar significado no que você faz, tornar suas ações e também pensamentos trabalharem em seu favor, tornando-os significativos e para que lhe tragam benefícios. E isso depende de você, trazer objetividade para sua vida e então, realizar seus sonhos.

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Comente. Há um mar de pensamentos e você pode pescar um peixe que ninguém mais conhece. Assim são as palavras no mar do Umikizu!