Escolha uma palavra e deixe o Umikizu falar sobre isso...

Mundo de valores...

Bom dia, gostaria de falar com você sobre valores...
- Poxa... já desistiu do post? Só na primeira frase?

Pois é.. eu sei porque. É que você vive uma vida tão perfeita, em que pode zoar dos seus amigos, zoar das ações das outras pessoas, ser tão descolado que todo mundo ri de qualquer merda que você fala, uma vida onde valores só importam quando acompanhados de cifras. "O que eu vou ganhar com isso"?
Tranquilo... você não vai ganhar nada de valor. Mas poderia ser melhor, poderia prestar mais atenção no que acontece a sua volta, mas isso não te leva pra lugar algum...

É uma pena, que tantas pessoas instruídas, bem empregadas, cheias de saúde e disposição, sejam tão mesquinhas. Mesquinhas, ridículas, podres e hipócritas. Ao ponto de olhar para alguém que passa necessidade e dizer que está assim porque não quer trabalhar, porque não quer estudar, porque o governo banca. Pior que isso, quando alguma campanha contra violência, racismo, sexismo, e tantas outras formas de preconceito são veiculadas, tiram sarro, acham desnecessário, acham apelativas demais. Pobres coitados os que vivem no mundo perfeito.

Desculpe, estou sendo muito irônico? Ah, tudo bem. Vamos ali visitar uma ong que está trabalhando no seu bairro e que tem centenas de pessoas que não sabem ler ou escrever, que não tem o que comer, que não sabem usar o computador e que não pronunciam direito o nome do WhatsApp? Vamos conhecer a realidade das mulheres que não são de família de classe média, que ainda sofrem preconceito só por serem mulheres e são discriminadas? Vamos conhecer a realidade do "neguinho" que vende balas no semáforo, o vagabundinho que pede dinheiro nas ruas, e melhor ainda, aquele barrigudinho que vem pedir um pedaço do seu pastel na feira aos sábados?

Não... esse povo é sujo, é fedido, é bandido, é tudo escória que não cabe na cidade grande. Será que eles não conhecem os seus lugares? Aqui, a gente tem respeito um pelo outro, a gente toma banho todos os dias, e ta cansado demais de tanto trabalhar para manter o sistema e o mundo EXATAMENTE como ele está. E é assim que tem que continuar. Porque é bom pra mim! Ponto! Sabe... só quero sair do trabalho, chegar em casa e assistir aquele programa de tv descontraído, em que um humorista que tem vários processos nas costas, continua falando mal, caçoando e denegrindo a imagem das outras pessoas! Isso é tão divertido! Comédia da vida real! Não é, não? Fala ae!

Não é não, né? A vida real é uma coisa muito diferente da que você vive. A classe média está vivendo uma ilusão tão grande! Tão catastrófica! Como a classe alta viveu no século XIX. Longe de tudo que é errado, ditando as regras do que é bom e do que é ruim, e a sociedade acatando tudo, porque eles são importantes.
Hoje a classe alta se esbanja e só move os trilhos em que a classe média acredita que tem poder, seguindo no caminho que lhes é dado, sem perceber, sem querer, seguindo em direção ao precipício. Trabalham para manter os seus "mestres da vida" que hoje também são os "mestres espirituais" de muitos. Dão o sangue para fazer girar a roda que mói sua carne aos pouquinhos e que leva 60% do seu capital por não ter nada a mais que levar sem causar suspeitas.

Parabéns. Esse mundo é o que construímos com tanto suor, com tanta luta, com tanta glória! Parabéns, você vive uma ilusão de que a sociedade é justa, que só o governo é corrupto e que tudo que não está nesse círculo é errado. Complementando tudo, tem uma mídia, a sua fonte de informações, tão boazinha que te envolve num mistério, reforçando o seu papel neste ciclo e fazendo com que todos trabalhem juntos pelo contínuo estado de apatia que vivemos desde que se sabe. Afinal de contas, manda quem pode, obedece quem tem juízo e o resto, é resto, pode ser morto e escorraçado, afinal de contas, esses são os papéis da nossa Organização.

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Comente. Há um mar de pensamentos e você pode pescar um peixe que ninguém mais conhece. Assim são as palavras no mar do Umikizu!