Escolha uma palavra e deixe o Umikizu falar sobre isso...

Comunicação é a nossa salvação...

Faz bastante tempo que bato na mesma tecla por aqui no Umikizu e com todas as pessoas que eu encontro e com quem converso, de que temos que nos unir, independente das nossas diferentes, somos seres humanos e mais que isso, somos seres racionais, capazes de muito mais progresso se um ajudar e compreender o outro. Tive a felicidade de assistir a palestra do senhor Uri Hasson, neurocientista russo que estudou as reações do cérebro sobre os efeitos da nossa comunicação verbal e explica de forma bem simples esse processo. Assista (Em inglês).

 

Quando Uri fala sobre a influência das diferentes perspectivas que temos sobre determinada mensagem, por mais que o locutor fale a mesma língua, o receptor interpreta a mensagem com a sua perspectiva viciada e nesse caso, a comunicação é ineficaz ou muitas vezes não acontece como deveria. (como no caso da mulher se era fiel ou infiel ou sobre as diferentes informações que recebemos todos os dias da mídia).

Somos influenciados sempre, mas a racionalidade pode resolver esse problema, controlando as preconcepções para que ao menos haja possibilidade de diálogo e que o interlocutor tenha a oportunidade de expor sua mensagem e que ela seja recebida sem barreiras. Por mais que não concordemos com uma informação, não podemos simplesmente barrar a comunicação, mas buscar entender sua razão e então argumentar num debate sobre o assunto. Essa é a melhor forma de tornar nossa comunicação mais eficaz e de unir as pessoas, além de acabar com preconceitos.

Sei que muitas pessoas ainda tem um longo caminho a percorrer e que, dependendo da personalidade, as pessoas simplesmente não querem ouvir argumentações ou participar de debates, querem simplesmente estar certas. Na minha opinião, penso que essas pessoas não são racionais, agem com a emoção e impõem uma falsa autoridade. Porém no nosso mundo ainda hierárquico, em que sua posição social ou econômica definem quem tem razão, temos um longo caminho pela frente para enfim sermos mais receptivos.

Por isso eu estou sempre tentando articular essa mensagem e principalmente deixar claro que isso é sim possível, contanto que consigamos disseminar essa ideia para mais e mais pessoas, deixando que a razão seja usada no lugar da emoção. As pessoas tem de perder a preguiça de participar de debates e desenvolver o raciocínio e a humildade para que tenhamos mais e mais entendimento e que nossas mensagens não sejam mais interpretadas à partir de prerrogativas pessoais que nada tem a ver com a mensagem do interlocutor, mas sim do receptor. Tenho aversão às pessoas que querem interpretar mensagens somente à partir de seu ponto de vista e aqui deixo claro, eu também tenho um longo caminho a percorrer para que minha comunicação seja também eficiente e racional, mas eu pelo menos acredito que isso seja possível e faço minha parte para controlar o sentimento e expressar minhas razões.
Minha vantagem é que sou um bom ouvinte. E ouvir te deixa mais apto a compreender diferentes formas de pensar.

Vamos divulgar ideias que nos ajudem a unirmos uns aos outros. Chega de diferenças inúteis, brigas de ego e hierarquias que martirizam nossos iguais, vamos quebrar padrões e aceitar os outros como eles são. Somos todos seres humanos, racionais o suficiente para saber que enquanto um tem muito, outros passam necessidade e a comunicação é uma das chaves para acabar com essa desigualdade que persiste em nosso mundo. Vamos nos unir, não pelo bem de uns ou de nós mesmos, mas pelo bem de todos!

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Comente. Há um mar de pensamentos e você pode pescar um peixe que ninguém mais conhece. Assim são as palavras no mar do Umikizu!